Enfermeira da Fhemeron tira a própria vida dentro do banheiro do Hospital de Base

A enfermeira da Fhemeron Cleunice Ferraz de 47 anos tirou a própria vida na noite desta quarta-feira (27/02) dentro do banheiro do Hospital de Base em Porto Velho (RO). Ela foi encontrada pendurada por um lençol.

De acordo com informações, Cleunice estava internada na ala psiquiátrica e estava sofrendo de depressão.

A mulher era irmã do médico Roberval Ferraz de 51 anos, que morreu em dezembro de 2018, após ser espancado e ter sido encontrado no estacionamento de posto de saúde no distrito de União Bandeirante, a cerca de 160 quilômetros de Porto Velho, ele teve a morte encefálica.

Nas redes sociais, Cleunice tinha lamentado a agressão ao irmão, dias antes da morte dele, em dezembro de 2018.

A filha do médico e sobrinha de Cleunice, fez um depoimento emocionante nas redes sociais:

Fonte: Portal de Rondônia

Deixe sua opinião...