Conecte-se conosco

Auxílio Emergencial

Auxílio emergencial: Liberação depende apenas de Bolsonaro para pagamento da 3ª terceira parcela

Portal de Rondônia

Publicado

em

Caixa paga hoje e amanhã primeira parcela de auxílio emergencial para os novos aprovados

Para quem não se recorda já se vão cerca de 30 dias desde que o governo realizou os pagamentos da segunda parcela de R$ 600 do Auxílio Emergencial. De lá pra cá os beneficiários que estavam recebendo suas parcelas foram pegos de surpresa com uma indefinição do governo referente aos novos prazos.

Até o momento desta publicação, somente os brasileiros inscritos no Bolsa Família possuem calendário definido, no qual já estão recebendo recebendo a terceira parcela, para estes o benefício começou a ser pago desde o último dia 17 e vão se encerrar no dia 30.

Além do calendário da terceira parcela, segue indefinidos o cronograma da segunda e terceira parcela para os brasileiros que receberam a primeira parcela depois do dia 30 de abril.

Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, havia afirmado inicialmente que a segunda parcela para este beneficiários seria paga um mês após o pagamento da primeira, mas os brasileiros que receberam a primeira parcela entre os dias 19 a 29 de maio seguem sem cronograma algum definido. Um terceiro lote de aprovados recebeu os primeiros R$ 600 já entre os dias 16 e 17 de junho. Mas segue sem definição para os próximos pagamentos.

Afinal, quando vai sair o calendário?

O pagamento da terceira parcela do auxílio emergencial, depende apenas da sanção do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido). Foi o que informou hoje o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, em entrevista à CNN Brasil na tarde de ontem (24/06). Segundo Guimarães, já está tudo certo entre o banco e o Ministério da Cidadania para os pagamentos

“Nós já fechamos com o Ministério da Cidadania. Precisa só da aprovação do presidente da República. Já temos a questão técnica (definida), com tranquilidade”, afirmou Guimarães. “A terceira parcela, já estamos pagando a quem recebe o Bolsa Família, mais de 11 milhões de brasileiros já receberam. Em breve, vamos anunciar — é o Ministério da Cidadania que anuncia, mas há todo o alinhamento técnico entre ministério e a Caixa”, acrescentou.

A exemplo do que foi feito com as duas primeiras parcelas, os beneficiários receberão o valor de R$ 600 em conta, antes da possibilidade do saque em agências. “Faremos primeiro o pagamento de forma digital, por mês de nascimento, sempre começando por janeiro. Vamos começar por janeiro e seguindo por esse calendário. Algum tempo depois, vamos permitir o saque”, reforçou Guimarães. “Por que fizemos assim? Dois meses atrás, não tínhamos ainda essa base, tivemos uma semana com filas. Todo mundo reclamou, estavam certos”, reconheceu.

Ainda de acordo com o presidente da Caixa, a sanção presidencial “vai ser em breve”. “Vamos anunciar também a segunda parcela de quem não recebeu, para que tenhamos o pagamento de todos de uma vez”, prometeu.

Prazo de inscrição termina semana que vem

O cidadão brasileiro que possui direito Auxílio Emergencial e ainda não se inscreveu no programa precisa ficar bem atento pois o prazo termina no dia 2 de julho. Depois dessa data, segundo a Caixa Econômica Federal, o site e o aplicativo serão utilizados apenas para acompanhar o pagamento do benefício ou o processamento do pedido.

Fonte: Jornal Contábil e UOL.

O Jornal Digital Portal de Rondônia é um portal de notícias independente compromissado em transmitir os fatos, leva as principais notícias de Rondônia, do Brasil e do Mundo.

error: Ė vedada a reprodução de conteúdo sem a citação da fonte ou autorização do proprietário