Conecte-se conosco

Geral

Morre no RJ o Babalorixá Torodê, o Pai de Santo que trouxe o Candomblé para Rondônia

Publicado

em

Morreu nessa madrugada (30/01) aos 78 anos no Rio de Janeiro, José Nilton Viana Reis, mais conhecido Babalorixá Torodê D’Ogum, o Pai de Santo que trouxe o candomblé para o estado de Rondônia. José Nilton nasceu em 29 de junho de 1942 e foi iniciado no Candomblé em 1960, por Joãozinho da Goméia, nação Angola.  Em 1976 estudou e iniciou-se no Culto de Ifá com africanos que vieram ao Brasil disseminar esse conhecimento. Em 1984 teve a autorização para dar continuidade ao Ifá no Brasil. Nesses mais de 20 anos já iniciou mais de duas mil pessoas no Culto ao Ifá.

O Babalorixá trouxe o Candomblé para Rondônia em 1967, na época, iniciou a filha de santo Elza, e em 1980 iniciou a Wilma de Oyá, hoje mãe de santo em Porto Velho. Esteve recentemente em Porto Velho, para participar da festa de 40 anos de santo da Mãe Wilma.

O que é o Candomblé?

Candomblé é uma religião monoteísta que acredita na existência da alma e na vida após a morte.

A palavra “candomblé” significa “dança” ou “dança com atabaques” e cultua os orixás, normalmente reverenciados por meio de danças, cantos e oferendas.

Além de ser Babalorixá, Torodê também era Artista plástico e Escultor, fez exposição em Viena na Ásutria.

O Pai Torodê faleceu vitíma de um Infarto. Deixa vários filhos de santo e um legado íntegro que se espalhou pelo Brasil, com certeza fará uma imensa falta ao candomblé.

Fica aqui nosso registro de admiração e respeito ao candomblé. Os nossos mais profundos sentimentos á sua família de axé, seus familiares biológicos, amigos e admiradores do seu trabalho.

Fonte: Portal de Rondônia

O Jornal Digital Portal de Rondônia é um portal de notícias independente compromissado em transmitir os fatos, leva as principais notícias de Rondônia, do Brasil e do Mundo.

error: Ė vedada a reprodução de conteúdo sem a citação da fonte ou autorização do proprietário