Conecte-se conosco

Geral

Procon Rondônia faz inspeções de rotina em postos de combustíveis de Porto Velho

Publicado

em

Foto: Divulgação

A qualidade do combustível, vazão das bombas, notas fiscais de entrada e saída foram verificados durante fiscalização de rotina, foi promovida pelo Programa de Orientação, Proteção e Defesa do Consumidor (Procon), nesta quarta-feira (16), em postos de combustíveis de Porto Velho.

As fiscalizações fazem parte do calendário elaborado pelo Procon, para a execução de visitas aos postos de combustíveis para verificar possíveis irregularidades nas bombas e verificar a qualidade do óleo diesel que está sendo revendido.

De acordo com o gerente de fiscalização do Procon, Calebe Melocra, são várias denúncias a respeito do combustível que são recebidas diariamente. “Para o consumidor, a gasolina pesa muito no bolso e por isso, a fiscalização é importante para verificar se o combustível comercializado está sendo armazenado e distribuído de forma correta”.

Os postos da Capital rondoniense passaram por inspeção onde foram feitos testes para medir a concentração do combustível, fazendo a mistura de água com gasolina.

“Todos os postos são obrigados a possuírem material de testagem da gasolina, caso o consumidor queira fazer o teste. Caso contrário, o Procon deverá ser acionado e o posto estará sujeito a receber multa”, declarou Calebe Melocra.

Em um teste feito no óleo diesel, o assistente de fiscalização, Jessé Júnior, explica que nos tipos S-10 e S-500, são verificados os aspectos, pois o produto precisa estar em situação líquida e pura, sem nenhuma alteração. Após a verificação, não houve irregularidade.

Sendo encontrada alguma irregularidade, será colhida uma amostra e enviada a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis (ANP), que irá lavrar uma multa, que pode gerar até a interdição do posto. “A fiscalização é uma ação de interesse público, sendo importante para garantir a confiança do consumidor no produto e também para evitar prejuízos nos veículos, devido a irregularidades”, finaliza o gerente de fiscalização do Procon.

DENÚNCIAS

O Procon Rondônia orienta os consumidores que se sentirem prejudicados para encaminhar denúncias e reclamações, com fotos e endereço do estabelecimento, para os seguintes canais de atendimento: telefone 151, pelo WhatsApp (69) 98491-2986 ou na página do procon.

Fonte: Secom

O Jornal Digital Portal de Rondônia é um portal de notícias independente compromissado em transmitir os fatos, leva as principais notícias de Rondônia, do Brasil e do Mundo.

Facebook