Conecte-se conosco

Política

Procuradora Raquel Dodge pede que senador Acir Gurgacz volte para a cadeia se não pagar multa de R$ 2 milhões

Publicado

em

Em ofício enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF), a procuradora-geral da República Raquel Dodge pede que o senador Acir Gurgacz (PDT) pague a multa no valor de R$ 2,03 milhões. A PGR também se manifestou contra um possível parcelamento do montante.

Dodge ressalta que a multa foi imposta por crime contra o sistema financeiro, na época que ocorreu a condenação; desde então, Acir foi notificado para quitar a dívida e não o fez. Em junho, a PGR solicitou às defesas do senador e do ex-deputado federal Pedro Corrêa, que comprovassem o pagamento da multa pecuniária imposta nas respectivas sentenças.

A PGR determinou o prazo de dez dias, após notificação do STF, para que o senador efetue o pagamento, sob pena de ter bens bloqueados, ou até mesmo voltar para a cadeia. “Intimação do sentenciado Acir Gurgacz para pagamento da multa penal, no valor de R$ 2.033.328,65, em dez dias, a contar da intimação, sob pena de imediata regressão de regime prisional e subsequente constrição de bens necessária para satisfazer o pagamento”.

Caberá ao ministro Alexandre de Moraes decidir se acata ou não o pedido de Dodge. Desde maio, o senador cumpre pena em regime aberto, quando fica livre durante o dia e se recolhe em casa à noite.

Em 2018, Acir Gurgacz foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal a quatro anos e seis meses de prisão por crime contra o sistema financeiro nacional.

Fonte: Diário do Poder

Publicidade
Publicidade

Publicidade
Publicidade

O Jornal Digital Portal de Rondônia é um portal de notícias independente compromissado em transmitir os fatos, leva as principais notícias de Rondônia, do Brasil e do Mundo.

Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Publicidade

Facebook

Publicidade

Grupo de notícias

Publicidade